Em mais uma ação especializada da Polícia Civil do Estado do Ceará, por meio da Delegacia de Repressões às Ações Criminosas Organizadas (Draco), um dos criminosos – que figurava na lista dos mais procurados do Estado – foi capturado, na última segunda-feira (27), na Serra do Quilombo, no município de Bom Jesus, localizado no extremo sul do Piauí, na divisa com os estados da Maranhão e de Tocantins. As informações sobre a ofensiva policial foram apresentadas, na manhã desta quarta-feira (29), em coletiva de imprensa, em Fortaleza.

José Massiano Ribeiro (37), envolvido em crimes de homicídios e roubos a carros-fortes, foi capturado após uma investigação iniciada pela Draco, em fevereiro deste ano, para prender integrantes de organizações criminosas com atuação no Ceará. Em uma organização criminosa, atuante em roubos a carros-fortes, o homem tinha a função de atuar como piloto de fuga e “olheiro” – repassando aos comparsas informações de movimentação policial. Contra ele, existia um mandado de prisão em aberto.

Conforme o delegado Harley Filho, titular da especializada, as investigações apontaram que o homem estava morando no Piauí há três anos, onde trabalhava como caminhoneiro. No momento da abordagem, o homem estava com um documento falso. “Não envidamos esforços para localizá-lo. Ele estava homiziado em um distrito a 200 quilômetros da sede da cidade de Bom Jesus, já próximo a divisa com os estados do Bahia e Tocantins. A Polícia Civil do Ceará tem garantido todo o aparato necessário para que haja a possibilidade de localizarmos esses foragidos em outros estados da federação e, assim prendê-los e recambiá-los ao Ceará, onde eles possam ser devidamente julgados pelos seus crimes”, afirmou Harley Filho.

Ações criminosas

José Massiano, em depoimento, confirmou a participação em duas ocorrências de assalto a carros-fortes que resultaram em policiais mortos e lesionados. As ocorrências foram registradas nos anos de 2015 e 2016, na região do Sertão Central do Estado.

Fonte: Polícia Civil.

Compartilhe esta publicação