Forças de Segurança capturam onze pessoas por crimes registrados na Grande Fortaleza.

Onze pessoas, sendo sete adultos e quatro adolescentes, foram autuadas em flagrante por envolvimento nas ações criminosas registradas nessa quarta (02) e quinta-feira (03). Outras sete pessoas foram ouvidas e liberadas, mas seguem sendo investigadas. A cúpula da segurança pública cearense e os chefes das vinculadas, Polícias Civil e Militar e Corpo de Bombeiros Militar, acompanham, desde a madrugada, a situação das ocorrências e estiveram reunidos desde as primeiras horas da manhã de hoje. As investigações acerca das ações criminosas estão a cargo da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), com apoio de delegacias distritais e metropolitanas. As diligências seguem em andamento com equipes de policiais civis e militares e de inteligência e com suporte aéreo de helicópteros da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas da SSPDS.

O governador do Ceará, Camilo Santana, divulgou nesta quinta-feira (03), em suas redes sociais, as medidas adotadas pelo Estado para proteger a população e coibir as ações criminosas registradas, ontem (02) e hoje (03), contra coletivos e patrimônios públicos, em Fortaleza e na Região Metropolitana. Entre as medidas, o governador destacou a nomeação imediata da turma de 220 novos agentes penitenciários, antes prevista para março; e a também nomeação da quarta turma de novos 373 novos policiais militares do último concurso realizado, já formados pela Academia Estadual de Segurança Pública (Aesp), e que passarão a atuar nas ruas. Por último, Camilo destacou a solicitação de apoio do Governo Federal, através de reforço da Força Nacional de Segurança, Exército e Força de Intervenção Integrada (FIPI), para atuarem em conjunto com os profissionais de segurança cearenses.

“Todo o sistema de contenção e emergência da segurança pública já foi montado desde a madrugada e está plenamente ativo. Os transportes públicos vêm sendo acompanhados e monitorados pela Ciops, com policiamento em todos os corredores bancários e em todos os terminais de ônibus”, destacou o coronel comandante geral da Polícia Militar do Ceará (PMCE), Alexandre Ávila.

O comandante citou ainda que equipes do Policiamento Ostensivo Geral (POG), equipes especializadas, como do Batalhão de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) e do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque) integram o patrulhamento. Além disso, a SSPDS está em contato com o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus) e a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), com o objetivo de garantir a segurança aos usuários do transporte público. A Secretaria Municipal de Segurança Cidadã, por meio da Guarda Municipal de Fortaleza, também dá apoio às ações de policiamento.

Até a tarde desta quinta-feira, seis veículos que fazem o transporte coletivo, em Fortaleza e Região Metropolitana, tiveram perda total após incêndios criminosos. Foram registrados ainda em torno de nove crimes contra patrimônios públicos e uma tentativa de incêndio contra um posto de combustíveis. Disparos de arma de fogo também foram registrados contra uma agência bancária, no bairro Otávio Bonfim.

Prisões

Na tarde desta quarta-feira (02), dois suspeitos foram presos após diligências realizadas pelas Polícias Civil e Militar. Uma das suspeitas, Lucivânia Vasconcelos Ferreira (32), foi abordada por policiais militares, quando se deslocava pelo Parque São José (AIS 09) em uma bicicleta, levando uma garrafa contendo gasolina. No mesmo bairro, policiais civis prenderam Ademilton Ramom Martins Santos (19), que tentou se esconder em um matagal da região. De acordo com as investigações, ele é suspeito de participar da queima de um coletivo, na Avenida Cônego de Castro, no início da tarde de hoje.

Outros quatros indivíduos foram abordados pela Polícia, no bairro Jardim Iracema (AIS 08). Próximo ao local onde eles estavam, os policiais militares encontraram duas garrafas contendo gasolina. O caso foi encaminhado para a DCA, em razão de haver um menor entre os integrantes. Os quatro foram ouvidos e liberados, mas seguem sendo investigados. As apurações estão em andamento com o objetivo de identificar se os suspeitos pretendiam cometer algum crime ou se possuem envolvimento nos delitos ocorridos até agora na Capital e RMF.

Durante a madrugada, uma dupla foi presa no momento em que danificavam um fotossensor na Avenida Presidente Castelo Branco, no bairro Moura Brasil (AIS 04). Antônio Igor Gomes da Silva (22), que estava com mandado de prisão em aberto por furto e com passagens por roubo, ameaça, furto, dano, falsa identidade e por fuga de presa; e Diego da Costa Silva (23) – com antecedentes criminais por roubo, lesão corporal dolosa e dano, foram presos por uma equipe do Cotam, que patrulhava pela região. O flagrante foi realizado no 34° Distrito Policial (DP).

No bairro Conjunto Esperança (AIS 09), uma equipe do Comando Tático Motorizado (Cotam) do BPChoque capturou outros dois suspeitos com um veículo roubado com placas clonadas. Dentro do porta-malas do carro, foi encontrado um galão vazio e no porta-luvas uma caixa de fósforos. O maior, Tiago Pereira de Almeida (20) foi preso e o adolescente de 16 anos foi apreendido. Ambos foram encaminhados à DCA, onde as medidas cabíveis foram adotadas.

Outros dois suspeitos foram conduzidos para a Delegacia Metropolitana de Caucaia sob suspeita de envolvimento nas ações criminosas. A dupla, adolescentes de 14 e 16 anos, foi localizada no bairro Parque Soledade, em Caucaia (AIS 11), por uma equipe da Companhia de Policiamento com Cães (CPCães) do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque). Na abordagem, os suspeitos estavam com dois galões de gasolina. Eles se contradisseram quando tentaram explicar a origem do material. Ambos foram encaminhados para a unidade policial, onde um ato infracional foi realizado.

Por último, equipes foram acionadas pela Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops), por volta da meia-noite de ontem, informando sobre suspeitos que tentaram danificar um fotossensor, na BR-116, no bairro Messejana (AIS 03). Quando avistaram a composição, os indivíduos empreenderam fuga, mas os policiais capturaram três deles, sendo dois maiores identificados por Marcelo Lucas de Freitas Cavalcante (18), Renan Kleverson Deodato de Sousa (18); e um adolescente de 14 anos. Com eles, foram encontradas uma câmera arrancada do equipamento danificado e uma marreta artesanal. O caso foi encaminhado para a Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA).

Fonte: SSPDS.
Compartilhe esta publicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!