Uma ação da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), por meio do Departamento de Polícia Judiciária da Capital (DPC), resultou nas prisões de seis pessoas envolvidas em crimes como homicídios, tortura, tráfico de drogas e roubo. A ofensiva policial aconteceu, na manhã desta quinta-feira (28), nos bairros Conjunto Prefeito José Walter, Mondubim e Planalto Ayrton Senna – que compõem a Área Integrada de Segurança 09 (AIS 09) de Fortaleza. O trabalho policial foi coordenado pelo 8º Distrito Policial (DP), que comandou as investigações.

A ação iniciou nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira e teve como alvos três homens que são suspeitos de cometer um crime de tortura ocorrido, no dia 20 de julho deste ano. Foram presos: José Inácio Silva Tiodózio (34), que já responde por porte ilegal de arma de fogo; José Ronaldo Ferreira Alves (39), vulgo “Zé do Gás” ou “Bel”, que já responde por receptação, e Leverson Oliveira Menezes (20), vulgo “Cross”, sem antecedentes criminais.

Conforme as investigações, os homens são suspeitos de participar da tortura de um homem de 27 anos, suspeito de cometer um furto de um celular. O crime ocorreu em julho deste ano no conjunto habitacional Cidade Jardim, no bairro Conjunto Prefeito José Walter. Ainda segundo as investigações, vítima e suspeitos ingeriam bebidas alcoólicas quando o fato ocorreu. O homem foi agredido com pauladas.


“Trata-se de mais uma operação desencadeada pela Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), por meio do Departamento de Polícia Judiciária da Capital. Este tipo de ação é praxe do departamento, e temos buscado melhorar toda parte de levantamentos, de logística, para que o êxito seja cada vez maior. A importância desse tipo de trabalho ajuda no combate qualificado à criminalidade, tirando de circulação indivíduos infratores”, destacou o diretor do Departamento das Distritais da Capital, Danilo Rafanelle.

Dando continuidade às prisões, os policiais civis capturaram outros três foragidos da Justiça. Um deles trata-se de Francisco Moreira Rocha (56). Contra ele existia um mandado de prisão por sentença condenatória de pena de 12 anos de reclusão em razão de um homicídio. Francisco foi capturado em sua residência no bairro Planalto Ayrton Senna.

Foram presos ainda Jonathan Pires Ferreira (26), que já responde por roubo, e Philippe André de Tillesse (39), que responde a cinco procedimentos policiais por porte ilegal de arma de fogo, roubo e extorsão. Todos os presos foram encaminhados ao 8º Distrito Policial, onde foram realizados os procedimentos de cada caso.

Créditos: SSPDS

📌 Fique ligado as nossas redes sociais, acesse os links abaixo 👇 👇

👍 Siga-nos no Instagram.
https://www.instagram.com/quixeramobim_alerta/
👍 Curta nossa Página no Facebook.
https://www.facebook.com/Quixeramobimalerta/
👋 Participe do nosso Grupo no Facebook.
https://www.facebook.com/groups/399305307167448/

Compartilhe esta publicação