Um homem identificado como Erialdo de Sousa Silva, 28 anos de idade, conhecido como “Novinho“, foi preso pela Polícia Militar na madrugada do último sábado, 30 de junho, emItatira. De acordo com informações da Polícia, ele é suspeito da autoria do assassinato do comerciante José Alves Bandeira. Após o interrogatório, na delegacia regional da Polícia Civil em Canindé, Novinho foi transferido para a cadeia pública de Itatira.

Não foram revelados detalhes do interrogatório, mas a Polícia Civil continua as investigações. Há possibilidade de participação de comparsas no crime.

O crime foi praticado na localidade de São João dos Guerra, na divisa de Itatira com Madalena haviapraticamente um ano. A casa de “Zé Bandeira”, como avítima era conhecida, estava com móveis revirados e vários objetos quebrados, levando as investigações para a linha de latrocínio, quando há roubo seguido de morte. A vítima, que era pai de um vereador do Município, apresentava perfurações à bala pelo corpo, acrescentou a Polícia.

Fonte: Diário do Nordeste.

Compartilhe esta publicação