Vice-prefeito de Quixeramobim foi acusado de invasão de privacidade durante sessão ordinária na Câmara Municipal de Vereadores de Quixeramobim. O vereador Everardo Junior, flagrou o vice-prefeito e Sargento da PM Marcos Rogério, fotografando o conteúdo interno de sua mochila.

O vice-prefeito encontrava-se sentado ao lado do parlamentar, quando o mesmo pediu a presença da polícia para que os dois fossem conduzidos até a Delegacia de Polícia Civil para registrar um Boletim de Ocorrência.

De imediato a PM foi acionada e conduziu o vice-prefeito até à Delegacia.
Segundo afirmações do vereador “Ele disse que o dinheiro que viu aqui, era pra subornar meus colegas, eu quero que ele prove”.
O vice-prefeito respondeu “Eu digo que não falei isso”.

As imagens do conteúdo da mochila foram mostradas a PM , imagens essas que mostrava uma certa quantia em dinheiro dentro da mochila do vereador Everardo Junior.

O mesmo deu uma justificativa, dizendo que aquela quantia tratava-se de seu salário como vereador. O vice-prefeito não quis se manifesta sobre o caso.

Veja o vídeo abaixo 👇 👇

Compartilhe esta publicação